Fundado em 1858, o Kingston Rowing Club é um dos mais antigos clubes de remo do mundo e que apresenta um percurso de sucesso a nível nacional e internacional. Situado junto ao Rio Tâmisa entre a Kingston Bridge e a Teddington Lock, os remadores desfrutam de um dos mais longos e mais calmos trechos de maré do Reino Unido, com mais de 7 km de água navegável. Todavia, no Centro de Alto Rendimento de Remo do Pocinho, alguns atletas medalhistas internacionais deste reconhecido clube, que treinaram durante duas semanas no CAR do Pocinho, dispõem de cerca de 28 km no Rio Douro para realizarem o estágio.

Nos dias 8 e 9 de Fevereiro o CAR foi palco de uma conferência da NeloRowing, com a presença da dupla Nuno Mendes e Pedro Fraga, dois atletas com mais de vinte anos de experiência neste desporto (cerca de quinze em alto rendimento) e que alcançaram excelentes resultados internacionais para Portugal.

De 3 a 15 de Fevereiro, o CAR do Pocinho acolheu um dos clubes de remo mais antigos da Suíça, detentor de 61 títulos de campeão nacional e de 2 medalhas olímpicas: o See-Club Zug. Mais de 30 atletas, juntamente com a equipa técnica e treinadores, liderados por Stephan Wiget, realizaram o estágio de remo recorrendo a todas as infraestruturas do CAR. No final do estágio afirmaram que a hospitalidade, a qualidade do equipamento disponível e o plano de água são as mais-valias deste que é considerado um dos melhores centros de remo e canoagem do mundo!

O CGL do CAR do Pocinho manifesta o seu pesar pela morte tão precoce de um atleta que marca a história do remo a nível internacional: o alemão Maximilian Reinelt que, de acordo com a Federação de Remo da Alemanha, morreu tragicamente num acidente de esqui, na estação suíça de Saint-Moritz, com apenas 30 anos.

Recorde-se que o atleta foi duplo campeão do Mundo, campeão olímpico de remo nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012 e medalha de prata no Rio de Janeiro 2016.